Gosto do seu conteúdo mas não dou audiência

Desde que criei meu primeiro blog lá em 2010 o objetivo sempre foi trazer conteúdos legais para os leitores. Quem me acompanha mais de perto sabe que nunca me envolvi com nenhuma “treta” ou discussão nas redes sociais. Sou aquele tipo de blogueira que gosta de criar conteúdo, divulgar, fazer amizades e sempre que possível participo de projetos entre blogueiras sejam eles fotográficos, literários ou envio de cartas. Por isso nunca trouxe nenhum tema polêmico para o blog, porém li essa frase semana passada num grupo no facebook e senti necessidade de explicar meu ponto de vista sobre.

Você sabia que tem pessoas que curtem seu trabalho mas não acessam seu blog porque sentem receio dele crescer mais do que o delas? Você sabia que tem pessoas que gostam das suas fotos, acham lindas, mas não curtem para que empresas não te contratem por seu instagram ser famoso? Você sabia ainda que pessoas não compartilham suas publicações para que sua fan page não cresça e chame a atenção de possíveis parceiros?

Sempre pensei que houvesse uma parceria sincera e companheirismo entre blogueiras, ainda mais as pequenas pois ouvimos muito “blogueiras pequenas precisam se ajudar”, afinal todas queremos um espaço ao sol concordam? Mas o que vi nessa publicação em especial foi algo completamente diferente. Algumas blogueiras pensam somente nelas.

Todos os dias visito em média uns 20 a 30 blogs e leio resenhas de livros, tutoriais de fotografia, indicação de filmes e séries, dicas de decoração, até indicação de novos apps pra usar aqui no blog. Mas as vezes acontece do dia estar tão corrido que somente leio o post sem deixar comentário. Isso não quer dizer que o conteúdo é ruim, que não gostei ou menos ainda que tenha medo dele ficar famoso. Inclusive dois blogs que sempre estou lendo e raras vezes dá tempo de comentar são os Madly Luv e Sai da minha lente. A Clayci conheci faz pouco tempo e a Aninha faz uns três anos já e as duas são umas queridas 

“Carinho inspira carinho” (Blog Memorialices)

Nunca fiz distinção de blogs pequenos ou grandes tanto que já comentei com vocês que gosto do conteúdo da Luísa Accorsi (é uma fofa  do antigo Sonhos de Crepom) e também da Luh (do Memorialices), já indiquei ambos os blogs e isso não me fez pensar que perderia meus leitores ou possíveis parcerias. Pelo contrário, acredito que quanto mais estamos engajados com outros blogs, indicamos ou somos indicados isso aumenta a relevância do nosso conteúdo na internet (saiba mais sobre SEO).

É difícil compreender o que faz uma blogueira pensar dessa forma. O que faz com que ela coloque diversos defeitos no blog da coleguinha só pra mostrar que o seu é melhor ou justificar o fato de não acessar, comentar ou divulgar um conteúdo interessante.

Outra postagem que vi falava sobre layout e algumas blogueiras comentaram que dependendo do blog que visitava já saía sem ao menos clicar em nenhum post. Algumas até disseram que tinham “preguiça” de clicar e ir em outras páginas. Como assim é blogueira e tem preguiça de ler? Como assim se o layout é legal lê os posts senão fecha o blog? Foi isso mesmo que você entendeu. Algumas blogueiras preferem mais o layout do que o conteúdo.

Quando procuro indicação de um lugar pra viajar por exemplo vejo as fotos, o hotel, os pontos turísticos, se os preços são acessíveis, etc. Se por acaso houver erros de português isso não me fará dar mais ou menos crédito a quem escreveu, muito menos fechar o blog e buscar outro. As vezes a pessoa escreveu rápido, erros acontecem concordam?

“Sendo bom ou ruim o que você faz volta pra você.”

Desde sempre me preocupei com a qualidade do conteúdo que mostro aqui assim como minha opinião sincera sobre todos eles. Quando as pessoas me enviam e-mails ou me perguntam pelo facebook se alguma empresa já “comprou” minha opinião sempre respondo que isso não está à venda. Igualmente espero que as blogueiras com quem mantenho contato pensem da mesma forma. Acredito sim que devemos divulgar conteúdo que sejam relevantes, que possam agregar valor às pessoas, que possam ajudá-las de alguma forma e isso de maneira nenhuma irá nos diminuir, pelo contrário nos faz ser melhores pessoas.

Queria deixar um recadinho aqui para quem não abre o blog da amiguinha, não lê o post até o final, ou não gosta do “leia mais” por preguiça de clicar em diversas páginas… no mundo funciona a lei do retorno você faz coisas boas e elas retornam pra você. O contrário também é verdade.

Obrigada a quem leu até o fim, obrigada por acompanhar o blog todos os dias, por contribuir com sugestões para melhorá-lo, e obrigada mais ainda por não se importar em dar audiência a conteúdos que você considera merecedores. Você é uma blogueira especial 🙂

E você qual sua opinião? Gosta do conteúdo de alguém mas não dá audiência? Comente e compartilhe o que pensa.

Beijos
Érika

Acompanhe também nas redes sociais:
Facebook ♥ Instagram ♥ Twitter ♥ Flickr ♥ G+

Você pode gostar ♥
Loading Facebook Comments ...

47 Comments

  1. Aninha ♥ MadlyLuv.com 08/10/2017 at 22:24

    Faz algum tempo que estou o link deste post guardadinho para sentar com calma e ler tudo nos mínimos detalhes. E depois de ler tudo o que posso dizer Érika, é obrigada. Obrigada mesmo por conseguir explicar várias coisas que têm ficado entaladas em minha garganta que eu não conseguia expressar em palavras, mas estavam ali faz meses, quiçá anos. Eu venho sentido muito isso, e tem se intensificado ainda mais em alguns grupos de interação de blogueiros, onde o fim da picada é escutar o pessoal dizer que tem preguiça de “leia mais” (oi?) e reclama de 5s de propaganda no vídeo do coleguinha. Como assim?

    O foda Érika, é que está faltando bastante empatia na blogosfera. E isso também está se refletindo também nas marcas, que insistem em contratar meus serviços, só que não posso dizer aos meus leitores que estou sendo patrocinada. Ou então ir em qualquer evento de blogueira e ser encarada da cabeça aos pés. Fiquei tão desiludida com isso tudo que fiz uma promessa para mim mesma de nunca mais aceitar publicidade no meu blog. Foi uma decisão difícil porque era um dinheirinho que me ajudava a pagar as despesas do blog. Não tenho intenções de viver dele, mas ele precisa de sustento né, mas acho que foi a melhor decisão e estou mais feliz. E sempre quando vejo um conteúdo legal, publico em minha fanpage ou menciono no meu blog.

    Eu quero e amo dar audiência para blogs que amo e admiro!

    Parabéns pelo texto, e também por me mencionar Érika. É uma honra <3

  2. NM 08/10/2017 at 22:23

    Post M A R A V I L H O S O! Parabéns! Infelizmente tudo o que disse é verdade e isso me deixa muito triste, principalmente porque fazem comigo. Graças a Deus não consigo ser assim, se eu gosto eu comento e curto mesmo. Novamente, parabéns pelo texto!

    nayanemartins.com

  3. Marcinha Nunes 08/10/2017 at 22:23

    Esse post é fantástico e realmente existe muito disso uma querer ser melhor que a outra infelizmente…o meu layout sei que não é dos melhores até porque eu só mexo pelo celular(tô precisando de um note pra ontem haha),não entendo muito de Seo mas sou esforçada busco qualidade nos meus posts e sinto que estou evoluindo de quando comecei que mal sabia mexer no blog. Você é uma das blogueiras que eu mais curto e gostaria que soubesse que admiro seu trabalho…bjs e continue nesse caminho💜

  4. Teofilo Tostes 08/10/2017 at 22:22

    Nossa, Erika, é uma loucura pensar que isso ocorra. Mas, ao mesmo tempo, é fácil ver o quanto a nossa sociedade acaba estimulando esse tipo de comportamento, disseminando a ideia de que o “sucesso” é para poucos — e, ao mesmo tempo, vendendo a ilusão de que para ser bem-sucedido nesta vida, basta esforço. Infelizmente, as pessoas acabam vivendo a lógica da escassez — que estimula a disputa –, e não da abundância — cuja consequência é a colaboração.
    Que bom que sua forma de se mover no mundo virtual e sua forma de produzir seu conteúdo se pauta pela colaboração! Acho que dessa forma, todos tendem a se manter mais e a chegar mais longe, porque disseminam e são felizes com o que fazem e criam. Até porque o ato de criar se dá pelo desejo do encontro e da partilha, e não do acúmulo…
    Beijos!
    https://teofilotostes.wordpress.com

  5. ezimonteiro 08/10/2017 at 22:21

    Começar o dia com um bom post é uma coisa maravilhosa! 🙂
    Parabéns pelo post, pela delicadeza de tratar um tema como esse.
    Infelizmente é assim mesmo… tem muita gente que não faz nada em relação ao blog/canal/instagram, etc, dos outros… por medo que ao fazer pelo outro, eles não crescerão.
    E isso acontece também fora da internet… 🙁
    É um pensamento pequeno e que assusta também… parece que essas pessoas não aprenderam como funciona o mundo…

  6. Cadu Pereira 08/10/2017 at 22:21

    Eu tenho certa dificuldade de me relacionar com essa categorização “blogueiro”.

    Eu tenho um site, onde público coisas que acho interessante, sobre conteúdos que acho interessante. Porquê, na verdade, gosto de produzir conteúdo.

    E essa, talvez, seja a grande diferença entre as pessoas que fazem isso que você comentou e todos os outros. Há quem goste de produzir conteúdo e quem queria ficar famoso.

    E, infelizmente, boa parte das pessoas querem ficar famosas ou receber materiais de graça, em vez de produzir conteúdo.

  7. Babi Oliveira 08/10/2017 at 22:20

    Oie Erika
    Parabéns pelo post maravilhoso.Triste saber que isso acontece ,sempre tem aqueles que pensam apenas no seu umbigo.
    Sempre que possivel deixo um comentario .As vezes acabo lendo e gosto , mas não sei o que comentar e deixo de lado….inclusive ja fiz isso algumas vezes no seu blog.Confesso .
    O bom é saber que existe sim a possibilidade de fazer amizades sinceras na blogosfera.

    Beijos

    Meu mundinho quase perfeito

  8. Alice Martins 08/10/2017 at 22:20

    Oi Érika, tudo bem?

    Infelizmente, conheço várias pessoas que possuem este tipo de pensamento totalmente retrógrado. As pessoas vivem buscando ensandecidamente oportunidades de crescerem, mas para isso não querem que o colega de profissão cresça, então nem vão no blog dele. É triste ver pessoas que pensam assim. Como blogueiros, deveríamos ser unidos e ajudar uns aos outros. Visitar um blog e ler suas postagens deveria ser rotina, mas infelizmente não é. Espero que um dia, as pessoas possam mudar este pensamento tão antigo e passem a valorizar mais o conteúdo. Quem vive com inveja não vai longe. Adorei o texto, Parabéns!

    Beijos!

  9. Jake 08/10/2017 at 22:19

    Amei demais o que você escreveu !
    Sinto, infelizmente, que muita gente deixa sim de comentar, curtir e mais só pra não “ajudar” quem se esforça pra criar conteúdo.. é uma pena! :/
    Claro que com a correria que a gente vive é dificil visitar sempre todas as que a gente gosta e quer… mas como eu sei que fazer isso estimula e de uma certa forma “compensa” o trabalho que a pessoa teve pra fazer uma postagem ou simplesmente tirar uma foto pra rede social, eu faço!
    Beijão 😉
    Jake
    Blog Jake Badulake

  10. Sthefani Monteiro 08/10/2017 at 22:18

    Esse post ficou simplesmente incrível <3
    Acho que nesse universo de blogs precisamos criar amizades com outros blogueiros, porque isso é tão bom. Compartilhar experiências e dicas com quem tem o mesmo interesse que você. Parabens pelo post e sucesso!

  11. Rebeca Stiago C. 08/10/2017 at 22:17

    Oii Erika!! Primeiro de tudo: tô aplaudindo o teu post de
    pé. Também sou dessas que não faz distinção de blog grande ou pequeno, pago ou
    free… etc. Tem alguns blogs que por mais que eu interaja com a blogueira em
    zilhões de grupos, o conteúdo dela não me atrai.. não chama minha atenção.
    Quanto a isso, não tem nada que eu possa fazer. Já tem outros blogs que eu sou
    fã e realmente interajo e não acho que isso vá fazer eu perder a minha própria
    audiência. Eu procuro ser o mais verdadeira possível, porque espero isso das
    pessoas. E eu penso muito como você, tudo é retorno. Pelo bem ou pelo mal, tudo
    volta. E realmente acho que cada vez mais deveríamos ter espaço para mais blogs
    e mais mensagens positivas para todos os nichos. Eu sou apaixonada pelas possiblidades
    que a blogosfera proporciona, e uma delas é um mergulho em vários temas e
    formas de pensar. E tudo isso é lindo. Parabéns pelo post. Beijo

  12. carol 08/10/2017 at 22:17

    eu comento no blog de todas, não consigo ver todos os dias, por questão do meu trabalho, mas sempre estou vendo e curtindo, e acho nada a ver isso, você vai crescer por mérito próprio e não pelos os outros, e claro tem aqueles cantinhos que eu amo um pouquinho mais, que estou sempre lá, mas sempre estou nos grupos de interações vendo conteúdo novo, e sigo quase 200 bloguinhos, e sempre sigo mais.

    Blog Entre Ver e Viver

  13. Ana Carolina Domingues 08/10/2017 at 22:16

    Nossa eu nunca pensei que alguém faria isso, tenho os meus blogs preferidos e fico pensando em como seria difícil não dar audiência para eles, pra mim seria uma tortura. Sempre que tenho mais tempo gosto de visitar blogs amigos para deixar aquele comentário especial

  14. Lary Zorzenone 08/10/2017 at 22:16

    Olá
    Eu nunca entendi isso também. Como você, eu também busco visitar vários blogs todos os dias e comento em todos, ou quase todos. Acredito muito que o crescimento pode ser de todos se nos ajudarmos.

    Vidas em Preto e Branco

  15. Sâmia Laços 08/10/2017 at 22:15

    Eu também não diferencio blogs pequenos de grandes. Gosto de consumir todo tipo de conteúdo, desde que esse conteúdo desperte algum interesse em mim. Mas, de certa forma, vou discordar um pouquinho com seu texto: as vezes o descuidado que algumas blogueiras acabam tendo faz com que eu não me sinta atraída, o que me faz sair de lá sem qualquer interação. O zelo, por mais simples que seja, é sempre ponto positivo.
    No mais, gostei muito do seu texto e da sua reflexão.
    http://www.criativissimo.com

  16. Laura Nolasco 08/10/2017 at 22:14

    Eu me assusto de verdade com esse tipo de pensamento. Eu não sei, mas quando eu gosto de algo eu quero mostrar ela pro mundo inteiro, sabe? E quando gosto de um blog eu normalmente crio um carinho todo especial pela blogueira – me sinto amiga, como se tivesse horário marcado pra sentar, tomar um café, ouvir o que ela tem pensado e feito da vida – e aí eu quero todo o amor do mundo pra essa pessoa – porque eu sei que tem todo o amor do mundo PRA TODO MUNDO. Se alguém tá fazendo algo bem eu vou mostrar pro meu mundo inteiro e ficar feliz por ela, sabe?
    Adorei o texto, eu realmente nunca tinha pensado que alguém possa pensar assim… que triste!
    Beijos!
    A Menina da Janela

  17. Renata Borges 08/10/2017 at 22:13

    Uou… eu tive que parar e rebobinar a fita da minha cabeça pra – tentar – entender a linha de raciocínio dessas pessoas. Só que eu continuo sem entender, porque, além de mesquinho e totalmente ‘mente pequena’, não tem lógica alguma. Não é porque você não está ajudando os outros a crescer que, em razão inversa, o seu conteúdo/trabalho/blog/qualquer coisa, vai crescer.
    Eu fiz muitas amizades aqui na blogsfera desde que comecei, há pouco mais de um ano, e você, Érika, é como todas as outras pessoas lindas e legais que têm por aqui. Sentimos a atenção, o carinho que têm, não apenas por seu próprio blog, mas para com as pessoas que conhece e com tudo que faz. E, por isso, meu muito obrigada por você remar contra essa maré insana que há por aí, totalmente sem sentido e que se engaja mais em colocar o outro para baixo do que em fazer um trabalho bem feito e buscar crescimento.
    A verdade na vida é que crescer é um ato plural, ninguém cresce sozinho, e, se chegou em algum lugar sozinho, é porque, muito provavelmente, usou pessoas de muletas para se alçar e depois as dispensou. É muito triste ler isso e ver como as pessoas são, isso é mero reflexo da sociedade em que vivemos, infelizmente. :/
    Achei o post super necessário e pontual, obrigada por compartilhar! <3
    xoxo

  18. Vitória Bruscato 08/10/2017 at 22:12

    Eu nunca havia parado pra pensar nisso. Eu realmente acreditava que blogueiras sempre tentavam se ajudar, e estava pensando ontem: já viu que as blogueiras “grandes” são todas amigas e tem contato? Se você entra no blogroll de uma tem cinco blogs. Se você entra em um desses cinco e vê o blogroll, certeza que terá o link do blog que você acabou de sair e no mínimo uns dois da outra lista. Mas não é troca, é bem visível que é amizade mesmo, elas se ajudam, e crescem juntas! Com nós, meros mortais, deve ser assim também! Devemos sempre nos ajudar e vibrar com as vitórias do outro e não ficar com inveja.
    Teu post está incrível <3

  19. Beatriz 08/10/2017 at 22:11

    Eu vejo isso com algumas pessoas que eu conheço. Eu adoro indicar blogs, instagrans, páginas e coisas do tipo no meu blog mas já percebi que algumas das pessoas que eu mais considero e sempre compartilho nunca fez isso com algo meu. Não sei se é o medo ou se sei lá, mas as vezes acho meio chato isso. Como você disse no texto, é preciso que a gente se junte. Sempre que tem alguma oportunidade, parceria aberta ou coisa do tipo eu aviso minhas amigas porque se os blogs grandes já não tem mais o mesmo retorno, imagina os pequenos que não tem milhares de seguidores ou são conhecidos? Acho desnecessário essa disputa mas infelizmente ela existe. 🙁

    Beijos!
    http://www.prateleiracolorida.com.br

  20. Ana Letícia 08/10/2017 at 22:10

    Ola, tudo bem? Para ser sincera, isso nunca havia me passado pela cabeça. É estranho imaginar que existem pessoas assim, mas não dúvido nada. Adorei o seu texto e concordo com seu ponto de vista. Espero que ele consiga mudar os pensamentos de algumas pessoas.

    Tchauzinho e até logo.

  21. Simplesmente Criativa 08/10/2017 at 22:09

    É realmente assim mesmo, já vi blogueiras fazendo coisas como essas. “Quando tem o botão leia mais eu nem clico”, no meu blog eu tenho e tento é me distanciar de blogueiras como essas que nem abrem o post para saber a respeito. Já fiquei tão triste por situações parecidas, porque realmente,é complicado. Não vou dizer que um layout não é importante, mas mais que o layout é o conteúdo. Leio tantos blogs que não investiram nada em layout mais que dão de 0 a 10 em muitos aí. Belo post.

    http://www.simplesmentecriativa.com.br

  22. Karolini Barbara 10/08/2017 at 00:15

    O.O… Onde iremos parar com essas “picuinhas”

  23. Thay Minda 31/07/2017 at 17:54

    Nossa muitas verdades! = infelizmente

  24. Hanna Carolina de Paiva 29/07/2017 at 00:28

    Belo post. Seria bom se mais pessoas não apenas lessem mais praticassem a boa ação com o coleguinha blogueiro…

  25. Isadora Soares 28/07/2017 at 00:20

    Não acredito que exista esse tipo de gente mesquinha a esse ponto. Aliás, quero acreditar que não exista.

  26. Márcia Vasconcelos 22/07/2017 at 13:21

    Hoje em dia isso tá muito comum, infelizmente

  27. Laís De Paula 22/07/2017 at 11:19

    MULHEEEER, isso está bem comum agora. Mal sabem que pra crescerem também precisam que pessoas visitem os dela.

  28. Natalia Correia 20/07/2017 at 22:55

    Mds que coisa escrota, a gente ta aqui pra se apoiar e prestigiar os outros plmmds

  29. Luma Vieira 20/07/2017 at 00:52

    Que tema excelente, vou la conferir 😉

  30. DiCa_Mattos 18/07/2017 at 18:00

    Credo! Que pensamento pequeno!! Não consigo entender como tem gente assim..mas eu acredito que cada um tem o que merece e o que busca..tanto pro bem, quanto pro mal.

  31. Mara Souza 18/07/2017 at 12:56

    SOL BRILHA PRA TODOS, tem espaço , tem leitores, pra todo mundo , fico indignada com isso

  32. Lorena Caribé 16/07/2017 at 18:10

    É uma pena, mas não enxergam que essa atitude prejudica elas mesmas.

  33. Danielle Ribeiro 15/07/2017 at 15:48

    Sabia… e isso é muito triste

  34. Luh Barros 15/07/2017 at 14:26

    Muito interesante o tema que você abordou, mais gentileza sempre.

  35. Cah Machado 14/07/2017 at 23:37

    menos competitividade e mais amor, por favor! <3

  36. Gislaine Motti 14/07/2017 at 22:40

    Eu adorei essa postagem, sério! Deixei um textão lá (:

  37. Heloisa Lofrano 14/07/2017 at 21:00

    Isso é um tremendo egoísmo! Todas tem seu espaço e o que diferencia aquela quebras sucesso da que fica estagnada é a humildade.

  38. Vivianne Do Valle 14/07/2017 at 19:29

    Ai gente, pior que é, e sabe o que eu não entendo? Tem espaço pra todo mundo, em vez das pessoas darem apoios umas as outras e crescerem juntas… Vai entender a cabeça do ser humano né? Parabéns, arrasou no post!

  39. Janaíra Araújo 14/07/2017 at 11:52

    Ameii o post, falou muito bem é triste ver pessoas que a essa altura do campeonato ainda pensam que vão conseguir subir sozinhas. beijoos

  40. Káh Souza 14/07/2017 at 10:22

    Que lacre esse post mulher!

  41. Luana de Souza 14/07/2017 at 05:38

    Esse post ficou tão maravilhoso :3

  42. Tati Aponte 14/07/2017 at 01:27

    Que texto sensacional! Parabéns pela lucidez!

  43. Sophia Cuñado 14/07/2017 at 00:32

    Dá uma tristezinha no coração saber que tem muita gente assim na blogesfera dos pequenos

Deixe um comentário