Fábulas Budistas
26 de novembro de 2021

Oi gente, tudo bem? Como vocês estão? Alguém mais percebeu que o Natal já é no mês que vem? Estou pensando se darei conta de ler todos os livros que tem na minha TBR. Por falar em livros chegou por aqui Fábulas Budistas da Editora Wish.

Além desse, recebi também Bambi (edição lindíssima estilo papel craft), Beleza Negra (que veio com fitilho roxinho e diversas ilustrações), e o tão aguardado lançamento Princesinha. Vocês não imaginam o quanto o livro está lindo.

Os dias e as noites passaram devagar, e Brahmadatta ficou cada vez mais inquieto. A vontade de provar a fruta mais uma vez crescia a cada dia.”

Sobre Fábulas Budistas

O livro tem capa dura, fitilho rosa escuro, lombada colorida, ilustrações, além de cheirinho de livro novo. Tem coisa melhor? A princesinha e O jardim secreto são as histórias favoritas da minha mãe. Lembro dela comentando sobre desde sempre.

Se você acompanhou o desafio que fiz no instagram e também alguns posts aqui no blog percebeu que tenho procurado cada vez mais uma conexão comigo mesma. Desde o ano passado quando comecei a estudar a Cabala com o Marcelo Steimberg minha percepção da vida e de tudo o que acontece mudou bastante.

Portanto, quem poderia ter destruído os arreios, senão os cães do palácio? Assim sendo, os culpados serão poupados e os inocentes, destruídos. Não, mostrarei os culpados ao rei, e os cães da cidade serão salvos.”

Uma das minhas maiores difuldades é ser reativa. Como uma criança mimada. Creio que foi essa a expressão usada pelo Marcelo. Mas acredito que a mudança é um processo. Num dado momento olhamos para nossas vidas e percebemos que aquilo não é o bastante, descobrimos que temos capacidade para ir além.

É então que começamos a caminhar em busca de novos objetivos. Mudar pequenos hábitos. Ter uma alimentação melhor. Abrir mão de certas atitudes. Substituir pensamentos. Buscar ser útil. Meditar. E trilhar novos caminhos. É um exercício de autodescoberta.

Essas palavras atravessaram o coração do rei que sabia que a lição era para ele, e, daquele dia em diante, sua palavras se tornaram poucas e sábias…”

Esse foi um dos motivos que me fez escolher as Fábulas Budistas. Sabe aquelas histórias que nos contavam quando éramos crianças que sempre terminava com “moral da história” ou “a lição é”? Esse livro traz um pouquinho dessa experiência.

Sobre o que fala cada conto?

Como disse ali no título são 20 contos, todos bem curtinhos. No começo do livro Buda conta a um grupo de crianças que já veio à Terra várias vezes e em formas diferentes. Como uma flor, um cervo, um macaco, e vários outros seres. Como uma reencarnação. Algo também defendido pela Cabala.

Na agradável pequena floresta vivia uma fada com asas de borboleta e cabelos longos feitos de raios de luar. Seu nome era Sakka. Ela sabia tudo o que acontecia ali.”

Os contos falam sobre verdade, honestidade, fidelidade, fazer o bem ao próximo, evitar injustiças, amizade, sabedoria, trabalho em grupo, confiança, coragem, e muitos outros sentimentos que tendemos a nos esquecer as vezes.

Alguns contos me chamaram mais atenção e foram marcantes, entre eles As codornas briguentas, O fim do mundo, O ganso dourado e O incêndio na floresta. Em especial esse último. Muitas vezes não sabemos a força que temos ou a diferença que podemos fazer no ambiente em que vivemos até que somos postos à prova.

Creio que cada um de nós guarda uma força dentro de si mas acaba se esquecendo e vivendo uma vida aquém do que poderia. Esse é um dos motivos que meditar é tão importante, nos faz silenciar a mente e encontrar respostas que antes pareciam tão distantes.

Porque não há lugar onde ninguém esteja observando – respondeu o aluno. – Mesmo quando estou sozinho, meu eu está observando. “

Reflexões pós leitura

Assim como as histórias de quando éramos crianças cada conto nos faz refletir, mesmo que sejam usados animais como personagens. Mas acredito que dessa forma ficou mais lúdico e fácil de compreender. O livro tem 186 páginas e li num dia. Vale a pena dar uma chance.

Agora me conta você já teve contato com a cultura oriental? Estudou sobre a Cabala, fez meditação ou leu algo a respeito? E quanto aos livros da editora conhece ou leu algum dos que citei hoje? Tem interesse nesse? Encontre Fábulas Budistas na Amazon.

Leia também: O Grande Panda e o Pequeno Dragão

Ah, em breve venho mostrar os outros livros! Até o próximo post, Érika <3

Nos acompanhe nas redes sociais
Facebook ♡ Instagram ♡ Twitter ♡ PinterestTi

Post escrito por Erika Monteiro

Descobri desde cedo quão incrível é o universo dos filmes, séries, livros e todo esse mundinho geek. Criei esse espaço para compartilhar experiências e trocar ideias.

Deixe sua opinião

Seu email não será publicado.



*

  1. Chovendo risos

    11 de janeiro de 2022

    Olá, tudo bem?
    Adorei a indicação, e já vou dizendo que é por causa do tema. Acredito que as pessoas tem que se lembrar mais honestidade, fidelidade, injustiças que esse último é algo que infelizmente a gente ve muito acontecendo
    Para mim obvio, é ótimo livro para presentar alguem

  2. Open Kloset By Karina

    9 de janeiro de 2022

    Olá Erika, tudo bem?
    Eu amei a sugestão de leitura, eu amo fabulas 🙂
    Muito Obrigada!
    Bjs Karina

  3. Quelzy Costa

    8 de janeiro de 2022

    Nunca tive contato com a cultura oriental mas acho incrível os ensinamento . Esse livro de Fabulas me lembrou muito os livros de Fábulas da minha época como : João e Maria,patinho feio e entre outros.

  4. Lucimar da Silva Moreira

    7 de janeiro de 2022

    Gosto bastante de fábulas, as fábulas nos ensina muito, a cultura oriental é maravilhosa, aguardando os outros livros bjs.

  5. Minda

    31 de dezembro de 2021

    Sei pouco da cultura oriental, mas o pouco que sei me encanta. Gostei dessa indicação, quero ler esse livro!

  6. Joana D’arc

    31 de dezembro de 2021

    OI! Eu adorei a sugestão de leitura 🙂 é maravilhosa, amo fabulas… Feliz ano novo!

  7. Miriam Tonon

    30 de dezembro de 2021

    No começo de Dezembro eu estava conversando com o meu marido sobre esse livro, na verdade de como essas fábulas foram encontradas, e eu fiquei encantada com o livro mas não o encontrei nas livrarias daqui da minha cidade. Entrei no site da Editora Wish já coloquei um no meu carrinho! Depois que eu ler eu volto aqui para comentar o que eu achei, tenho a sensação de que serão só elogios! Bjo

  8. cila

    29 de dezembro de 2021

    Oi Erika, tudo bem?
    Eu acredito que precisamos estar sempre nos renovando, aprendendo com nossos erros, mudando, crescendo. Tentando cada dia, realmente ser uma pessoa melhor. Por isso gosto muito de ouvir ensinamentos que nos ajudem, que nos transformem. Parece ser uma ótima leitura pelo o que faz. Dica anotada. Sua resenha ficou ótima! Feliz 2022!
    beijinhos.
    cila.

  9. Lucimar da Silva Moreira

    28 de dezembro de 2021

    Que máximo o livro gosto muito de contos, achei interessante os contos já que falam de verdades, felicidade, sabedoria, são temas que nos fazem refletir, ainda não tive contato com a cultura oriental , mas com certeza deve ser incrível bjs.